Capa » Notícias » Cultura » Mariza ganha título de “Mestre da Música Mediterrânica” da Universidade de Berklee

Mariza ganha título de “Mestre da Música Mediterrânica” da Universidade de Berklee

A cantora Mariza é distinguida no sábado com o título de Mestre da Música Mediterrânica, pela Universidade de Berklee, de Boston, numa cerimónia que se realiza no Narrow’s Center for the Arts, foi hoje anunciado.

Esta é a primeira distinção de âmbito universitário que a criadora de “Ó Gente da Minha Terra” recebe, tendo sido já recebido outros galardões, com o Prémio BBC Radio3, na categoria de Melhor Artista da Europa de World Music (2003), o European Border Breakers Award (2004), o Prémio Amália Internacional (2005) e a Medalha de Vermeil, da Sociedade de Artes, Ciências e Letras, de França (2008).

A criadora de “Tasco da Mouraria” está a efetuar uma digressão aos Estados Unidos, recebendo a distinção da Berklee College of Music durante uma temporada de três espetáculos em Boston, no City Winery, que termina no domingo.

Segundo comunicado da Universidade de Berklee, Mariza, com uma carreira de mais de 15 anos, “está a redefinir o fado, a música folclórica urbana que deu voz aos problemas de Lisboa nos últimos dois séculos”.

Em oposição a um género dominado pelo que a intérprete refere como “sentimentos sombrios e doloridos”, Mariza expressa o que define como uma “felicidade melancólica”, segundo a mesma nota.

“Mariza é a mais importante cantora de fado de sempre”, afirma em comunicado enviado à agência Lusa Javier Limón, diretor artístico do Instituto de Música do Mediterrâneo de Berklee e produtor de dois álbuns da fadista, que acrescenta: “Na verdade, ela é a cantora mais importante viva em Portugal”.

“Mariza quer que o fado seja uma tradição viva e está revigorando o género, aproveitando as suas tradições, mas simultaneamente fazendo algo diferente”, segundo o instituto universitário.

O novo álbum de Mariza, “Fado Bailado”, produzido pelo músico Javier Limón, será editado em março do próximo ano e assinala a estreia da cantora como autora, com o tema “Só” (título provisório), musicado por Tiago Machado.

O espanhol Javier Limón produziu igualmente o álbum de Mariza “Terra” (2008) e incluiu a fadista no CD que junta várias cantoras mediterrânicas “Mujeres de Agua” (2011).

Mariza encerra a sua digressão na próxima segunda-feira no City Winery de Nova Iorque.

Nesta digressão, a intérprete de “Padoce de Céu Azul” é acompanhada, entre outros, pelos músicos Luís Guerreiro, na guitarra portuguesa, com quem gravou o seu primeiro álbum, “Fado em Mim”, Pedro Jóia, na viola, e João Frade, no acordeão.

NL // MAG

Lusa/Fim